Campanha de e-mail marketing: principais tendências

Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin

Segundo uma pesquisa do E-Commerce Radar, o e-mail marketing ainda é um dos canais com mais taxa de conversão no e-commerce do Brasil. Ou seja, investir em uma campanha de e-mail marketing pode ser um bom caminho para atrair mais clientes e aumentar as vendas.

Isso porque, mesmo após o surgimento e a popularização das redes sociais, os e-mails não deixaram de ser utilizados, principalmente para tratar de negócios. Pelo fato de a maioria das pessoas ter fácil acesso ao seu e-mail por meio de um smartphone, elas estão sempre checando novas mensagens.

Uma vez que o e-mail deixou de ser utilizado para a comunicação direta entre pessoas, passou a ter um papel importante na troca de mensagens corporativas e se tornou também um canal entre o consumidor e a empresa. Confira nosso artigo e veja como criar uma campanha de e-mail marketing.

 

Tendências em campanhas de e-mail marketing

O principal objetivo de uma campanha de e-mail marketing é gerar valor para o cliente por meio de uma comunicação transparente e direta. O conteúdo deve apresentar soluções para seus problemas, além de atender aos seus desejos e necessidades.

É uma forma de estreitar o relacionamento com os clientes, trabalhando com públicos segmentados e obtendo melhores resultados. Veja a seguir as principais tendências para o e-mail marketing:

 

Mobile First

O conceito de Mobile First envolve a criação de campanhas de e-mail marketing pensando primeiro no mobile. Ou seja, é preciso levar em conta como o conteúdo será visto em um smartphone ou tablet. Um exemplo disso é adaptar botões e o tamanho da fonte para esse tamanho de tela.

Outra dica é manter as mensagens do conteúdo simplificadas, pois o usuário do mobile perde o interesse ao se deparar com conteúdos mais extensos devido à dificuldade de leitura. Para que o conteúdo seja mais interativo, é importante que contenha links que levem a landing pages, artigos de blogs ou páginas de produto.

Opte por provedores de e-mail que sejam responsivos e adaptem o conteúdo para os diferentes tamanhos de telas. Assim, você garante que todos os seus clientes consigam visualizar o conteúdo com qualidade.

 

Conteúdo enxuto

Hoje, o tempo é muito valorizado pelas pessoas, que não desejam ficar longos minutos lendo algo, principalmente no e-mail. Sendo assim, apostar em um conteúdo mais enxuto e um design simples pode ser o ideal para que a sua campanha de e-mail marketing dê certo.

Principalmente quando falamos sobre mobile, a tendência é que o espaço disponível para visualização do conteúdo escrito não seja muito grande. Por isso, as imagens e ilustrações têm um papel importante nesse tipo de campanha.

Os conteúdos mais longos dão mais certo em blogs ou no próprio site do e-commerce, em uma landing page. E para divulgar esse tipo de conteúdo, um dos meios que podem ser usados é justamente o e-mail marketing.

 

Inteligência Artificial

A automação de processos por meio da Inteligência Artificial já é uma realidade e também pode ser aplicada nesse caso. Essa tecnologia pode ajudar no gerenciamento de campanhas de e-mail marketing, selecionando os conteúdos mais relevantes no momento para determinado perfil de clientes, aumentando a assertividade e a conversão.

A IA tem sido muito explorada pelas empresas para automatizar processos em diversos setores, inclusive no marketing. Seus resultados positivos são um incentivo para a utilização dessa tecnologia, inclusive para entender o comportamento e os desejos dos consumidores.

Dessa forma, é possível personalizar e fazer a gestão de campanhas de e-mail marketing conforme a segmentação do seu público, aumentando a chance de os clientes visualizarem e interagirem com o conteúdo e, posteriormente, aumentando também a taxa de conversão.

 

O que evitar no e-mail marketing?

Um dos principais problemas no e-mail marketing a ser evitado é o hard bouce, que acontece quando erros ocorrem no endereço dos destinatários ou quando os provedores bloqueiam as mensagens enviadas por determinados remetentes.

Isso ocorre principalmente quando um remetente envia mensagens em excesso e sem a autorização dos destinatários. As mensagens vão direto para a caixa de spam e o remetente é considerado spammer. Sendo assim, para entender como fazer uma campanha de e-mail marketing é preciso evitar essa prática.

Ao criar uma campanha é preciso evitar a compra de bases de e-mail que prometem campanha de e-mail marketing grátis e entregam endereços de pessoas aleatórias e que não estão necessariamente interessadas no seu produto. Isso pode, inclusive, afetar negativamente os resultados das campanhas.

Os endereços dos clientes devem sempre ser captados após sua autorização, geralmente concedida após uma compra ou por meio do preenchimento de algum formulário. Essa é uma exigência da LGPD, a Lei Geral de Proteção de Dados pessoais dos clientes.

 

Entenda como funciona a jornada do cliente

Para que sua campanha de e-mail marketing dê certo, é preciso primeiro saber como funciona a jornada do cliente para identificar que tipo de conteúdo enviar. Confira nosso artigo sobre o assunto e saiba sua importância para o sucesso do seu e-commerce!

 

Quero receber um
e-book sobre logística no e-commerce