Conheça 6 tendências em UX no E-commerce

Conheça 6 tendências em UX no E-commerce

Os clientes exigem experiências mais rápidas, fáceis e cômodas, além de esteticamente atraentes durante suas compras online. Na medida em que a tecnologia avança, as expectativas dos usuários seguem pelo mesmo caminho, e é preciso acompanhar novas tendências para manter uma forte presença no mercado. Assim, é natural que as empresas invistam em soluções mais amigáveis.

O comércio eletrônico é o futuro, então, as tendências da interface do usuário e da experiência do usuário prometem um envolvimento ainda maior dos consumidores. Apesar dos fundamentos da boa experiência não variarem muito ano após ano, o padrão para UX em 2020 se tornou um tanto mais sofisticado, com alguns avanços e mudanças tecnológicas significativas que devem se integrar cada vez mais à experiência, como chatbots e comandos de voz.

 

Um ano de mudanças

2020 pode apresentar mudanças impactantes para a UX, e é importante que as empresas de varejo eletrônico prestem atenção em algumas tendências:

  1. Pesquisa por voz
    Com o crescimento do uso de dispositivos móveis e assistentes virtuais, os consumidores estão se acostumando rapidamente com a pesquisa por voz. O e-commerce precisa prestar atenção nessa mudança de comportamento e deve se adaptar. É preciso entender que a pesquisa por voz é ligeiramente diferente da pesquisa tradicional, com o uso de frases mais longas no lugar de palavras-chave.
  2. Chatbots
    Chatbots podem ser tornar uma presença obrigatória e popular em qualquer site para melhorar a interação com o usuário, e espera-se que ele deixe de simplesmente atender o cliente e passe a criar interações que ajudem nas vendas. Os chatbots alimentados por inteligência artificial vão saber exatamente o que o cliente deseja ao analisar seu histórico, interações e comportamentos.
  3. Personalização
    Tratar o cliente como um indivíduo único e não apenas como mais um. Buscar formas de personalizar a experiência de compra é cada vez mais importante para as operações de e-commerce e permite tornar o conteúdo mais relevante ao:
    – Recomendar produtos
    – Segmentar geograficamente
    – Fazer ofertas personalizadas
    – Personalizar a página inicial
  4. Realidade Aumentada
    A realidade aumentada (AR) oferece uma experiência mais envolvente e imersiva aos clientes. Isso funciona em situações em que eles desejam uma visão realista de como algo fica em um ambiente ou na própria pessoa, como um novo produto de beleza, por exemplo.
  5. Mobilidade
    Os dispositivos móveis são uma realidade, então é essencial oferecer a esse usuário a melhor experiência possível. É importante ter um design específico para esses dispositivos, então:
    – O design precisa ser limpo e fácil de navegar
    – Os produtos precisam de descrições breves e concisas
    – Fontes devem ser grandes para permitir que sejam facilmente visualizadas em telas pequenas
  6. Minimalismo
    Foi-se o tempo em que os sites precisam de uma carga sensorial gigante para atrair as pessoas. Hoje, os usuários preferem projetos minimalistas bem feitos, organizados e, mais importante, funcionais. Um site de comércio eletrônico precisa de navegação aprimorada, segurança e conteúdo.

A experiência do usuário ditará o rumo do e-commerce; e diversas outras tendências também estão transformando essas experiências durante a jornada de compra e os clientes esperam avidamente por elas.

Totalmente personalizável, a plataforma de e-commerce da Stoom garante a maleabilidade de que seu time precisa para criar experiências diferenciadas, permitindo integrações complexas para libertar a inovação. Entre em contato e conheça nossa solução.

Gostou? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Baixe gratuitamente nosso e-book sobre logística no e-commerce e saiba mais sobre o assunto

CONTEÚDOS RELACIONADOS

MAIS CONTEÚDOS